Como empresas pequenas podem fidelizar seus clientes

Apenas 31% dos profissionais de negócios acreditam que melhorar o envolvimento do cliente com a marca é uma prioridade. Esse é um número muito baixo se entendermos que, a fim de construir uma relação de fidelidade à marca, é de extrema importância que os pequenos empresários envolvam constantemente seu público-alvo. Consumidores fiéis esperam serviços de qualidade, melhorias constantes de acordo com suas necessidades e programas de recompensa atraentes. Os clientes merecem a atenção de sua marca. “Você quer ser capaz de interagir com seus clientes no contexto de suas vidas diárias. Assim, você não só será capaz de proporcionar-lhes um serviço melhor, como também ganhará a lealdade e permanecerá na dianteira em suas mentes “, escreve Wendy Lea, CEO da Get Satisfaction. Você deve sempre se esforçar para estabelecer uma conexão humana com seus clientes. Vamos mostrar como fidelizar clientes à sua marca. O Valor da fidelidade à marca Como proprietário de uma pequena empresa, você pode não ter um capital de giro alto ou carecer de uma equipe completa. No entanto, sua equipe ainda pode ser rentável se servir corretamente seus clientes atuais. Estudos mostram que 67% dos líderes de negócios não entendem o valor por trás de suas marcas. Eles estão perdendo a oportunidade de ganhar os consumidores ao longo da vida. O segredo é aprender sobre seus clientes desde o início. Um estudo observou que 48% dos consumidores disseram que o momento mais crítico para ganhar a lealdade deles é quando eles fazem sua primeira compra. Ofereça uma experiência de marca consistente, que atenda suas hesitações e resolva os seus problemas. Busque compreender como a experiência do cliente afeta a fidelidade à marca. Além disso, aprenda a se destacar de seus concorrentes. Isso significa tornar-se um bem indispensável no mercado. “Posicione-se na vanguarda da sua indústria através do domínio do seu mercado. Quando você expõe um conteúdo valioso e inovador, sua marca é associada como especialista daquele assunto. Obviamente, qualidade é melhor do que quantidade”, escreve Fred Hernandez, copywriter da Market St. A fidelidade à marca é um investimento rentável para sua empresa. Foco no relacionamento Foi-se o tempo em que as empresas vendiam apenas produtos. A economia transacional está morta. Se você quer a fidelidade à marca, é hora de tratar os clientes como pessoas, não como números. “Ouça o que seus melhores clientes estão dizendo. Não seja uma máquina de fazer vendas. Seja uma pessoa real e construa um negócio para servir as pessoas reais. Se preocupe com eles e eles vão se preocupar com você. Esta é a chave para cultivar a lealdade à marca”, escrevem BJ Bueno e Scott Jeffrey no The Cult Branding Company. Na economia global em que nos encontramos, as empresas devem vender para indivíduos, e iniciar uma conversa em torno de uma causa comum ajuda nisso. De acordo com um estudo publicado na Harvard Business Review, 64% dos consumidores citou valores compartilhados como a principal razão para as suas relações com as marcas. Um exemplo disso é a Nike, ao declarar que todo mundo é um atleta. A empresa de calçado inspira as pessoas a serem ativas, não importa o seu tipo de corpo. Além disso, é preciso estar consciente de que a construção de relacionamento é um esforço de toda a empresa, não apenas para os seus representantes de serviço ao cliente. A fidelidade à marca é responsabilidade de todos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *